terça-feira, 12 de agosto de 2014

Falando Sobre: Koizora


Música da vez: Fukui Mai ~ Ai no Uta (Tema do Dorama Koizora)

Após um tempinho ausente, retornei com tudo! Estou com planos para retornar a traduzir mangá, tendo Keishichou Tokuhanka 007 (que eu já comecei uns anos atrás) e Hammer Sesson! como meus primeiros projetos.

Bem, sem mais delongas, eu vos apresento Koizora. Inicialmente uma novela com cerca de 25 milhões de leitores, depois um mangá, e então um Filme e um dorama de 6 capítulos. Dizem por ai que a história é verídica e aconteceu com a autora da novela, já que ela tem o mesmo nome da protagonista, Mika.

A Mika da história é uma estudante que um dia conhece um rapaz chamado Hiro, que é a sua alma gêmea. Ela o ama e ele a ama. Ela então passa a experimentar diversos acontecimentos, a maioria deles tristes e agoniantes, como uma gravidez precoce e um aborto em plena véspera de natal. Mas isso não é nem o começo...

O filme foi ao ar em 2007 e o dorama em 2008, tendo ambos Natsuki Imai como diretor (sendo que no dorama, ele teve ajuda de Matsuda Ayato). No filme, o casal Hiro x Mika teve a atuação de Haruma Miura e Yui Aragaki. No dorama, Seto Koji e Mizusawa Elena.

Engraçado que eu conheci Koizora pelo mangá, mas havia me esquecido do 'nome' dele, apesar de desejar reler. Ai, vi o dorama e dei um pulo na cena que a Mika perde o bebê dela. Fiquei tipo... 'Hein? Essa história não é a mesma daquele mangá...'

É uma história de derramar muitas lágrimas, de fazer muitos se revoltarem, mas acima de tudo, uma história para refletir sobre a vida, o amor, e as brincadeiras do destino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário